terça-feira, 17 de novembro de 2009

Grupo de estudantes de Campinas realiza caminhada ecológica em área de reflorestamento

Débora Palermo

para Jornalismo em Posts

Jovens de Campinas participaram dia 15 de Novembro às 8h da manhã, da Caminhada Ecológica. Foram seis km de percurso,que aliou saúde e cultura para os participantes que puderam conferir de perto uma área de reflorestamento de eucalipto. Em uma área próxima a cinco mil alqueires, localizado no distrito de Campinas, Sousas, a área de reflorestamento pertence a uma empresa Paulista de fabricação de papel.

Durante a caminhada os jovens puderam encontrar desde os eucaliptos plantados, eles cortados e as toras prontas para ser levadas. Na metade do caminho da caminhada foi encontrado as pequenas mudas sendo plantadas no solo já preparado. É um processo demorado, em média de sete anos para a muda virar árvore.

A caminhada é realizada a cada dois meses com grupos diferentes, em locais diferentes. O instrutor Edgard Silva de 32 anos, formado em Educação Física e atualmente cursando a faculdade de Turismo é o responsável pela organização e recrutamento dos jovens para a caminhada, “Meu objetivo é trazer saúde e conhecimento” diz Edgard. Valorizar a cultura através do esporte é o principal objetivo da Caminhada Ecológica. Em outras edições pode ser chamada de Caminhada cultural, com outros temas, a penúltima realizada em Agosto desse ano mostrou os principais pontos turísticos de Campinas, com 24 jovens da região do Ouro Verde, o tema base foi Carlos Gomes. O projeto foi uma realização de um sonho, que ainda esta em crescimento, ele deseja dar continuidade em outras cidades da Região Metropolitana de Campinas. “ Pesquiso os pontos turísticos, museus, e faço uma rota, analiso o solo, e o clima do dia” diz Edgard. O projeto tem 4 anos, e começou com uma caminhada em família no Parque Ecologico, localizado em Sousas também.

Os participantes gostaram de participar pelo cunho cultural, e esportivo da Caminhada, “Pode não parecer, mas caminhar é uma atividade física muito eficiente, emagrece, combate a osteoporose e resulta em bem-estar psicológico, melhora o condicionamento físico entre outros, juntando essa agradável atividade física com a possibilidade de conhecer melhor nossa cidade, torna-se mais agradável nossa caminhada.” Diz Anali Rocha, 32 anos.

Com a correria do dia a dia “escapar” para uma atividade como essa atrai muitas pessoas, “Quando somos jovens esquecemos de nos exercitar, ficarmos pensando nas provas, e as aulas, não temos tempo para mais nada,e quando aparece uma oportunidade como essa que foge do padrão normal de esportes, ficamos atraídos e arranjamos tempo” Explica Carlos Eduardo Shuartz.

A próxima edição será em Janeiro, com o tema “ reciclagem”, visitando alguns centros de reciclagem, os participantes interessados devem enviar um email para: edgardsilva@hotmail.com

video

Nenhum comentário: